sexta-feira, 10 de julho de 2015

FILME: AS PALAVRAS DE MAX - 1978


Direção: Emilio Martínez Lázaro - 1978
Duração: 92 min
Título Original: Las palabras de Max
País: Espanha

Vencedor do Urso de Ouro no Festival de Berlim de 1978

É um filme antigo, mas que tem muito a nos dizer sobre a maturidade e a solidão. Logo no início vemos Max sozinho ao telefone, ele tenta seguidamente falar com alguém para driblar sua solidão, mas não consegue, liga até mesmo para seu dentista e para um padre que foi seu professor há muitos anos atrás e que nunca mais viu. Só este início valeu o filme, pois retrata o que é solidão e o mundo atual, onde não encontramos mais ninguém para conversar, trocar uma ideia, todos estão ocupados, ou em busca de uma conversa boba que não o faça pensar. 

Max é um sociólogo, aliás interpretado por Ignacio Fernandez de Castro que foi um sociólogo e jurista espanhol , está separado de Clara e tem uma filha (Gracia Querejeta). Ele conhece uma mulher e tenta se relacionar com ela, mas as relações não são fáceis. 

Max sempre seguro de suas opiniões começa a se questionar de como é visto pelos outros, sua filha e a amante lhe dizem algumas coisas, mas é interessante pensar como sempre temos que estar de acordo com o que os outros desejam que sejamos, ou então, a solidão.... 

Emilio Martínez Lázaro nasceu em 1945 em Madri, Espanha