segunda-feira, 8 de junho de 2015

FILME - LOREAK - 2013


Direção: Jon Garaño e José Mari Goenaga - 2013
Duração: 96 min
País de origem: Espanha - País Basco 

Loreak significa flores em basco. É um filme basco, inclusive falado nesta língua que difere do espanhol. O país basco fica no território da Espanha, mas tem uma cultura muito diferente e fala outra língua. 

Ane (Nagore Aranburu) trabalha numa construção, vive com seu marido, um casamento morno,  ele normalmente passa seu tempo vendo TV. Ela começa a receber flores de um desconhecido. Belos buques, o que acaba deixando seu marido enciumado. Ela está na menopausa, e as flores que recebem acabam fazendo com que sua auto-estima melhore, ela começa a se arrumar mais. 

Para não aborrecê-lo e ter que responder suas perguntas para as quais ela não tem respostas, passa a levar as flores para seu escritório na obra. Um dia ela perde sua corrente, presente de noivado do marido, e não consegue mais encontrá-la. Na obra trabalha Benãt (Josean Bengoetxea) como operador do guindaste. Ele é casado com Lourdes (Itziar Ituño). A relação desta com sua sogra Tere (Itziar Aizpuru) não é boa, a mãe de Beñat é autoritária, gosta de dar palpites em tudo, e desaprova a nora. 

Uma noite de chuva Beñat está indo para a casa de sua mãe, mas irá se atrasar, liga para ela, que como sempre não é nada gentil, chantagista emocional, desliga na cara dele. Logo em seguida ele sofre um acidente do qual virá a falecer no hospital. É então que Ane para de receber flores, e quando o novo operador encontra sua corrente na cabine do guindaste ela associa as coisas e percebe que era ele quem enviava as flores. Ela então passa a levar um buque de flores no local do acidente, ritual que também a mãe dele faz. Lourdes nunca foi lá e se afastou da família. 

Mas estas flores continuam causando indagações, como o marido de Ane, a mãe de Beñat também fica intrigada e quer descobrir quem leva as flores. Ela deixa um bilhete e Ane responde vindo a conhecer Tere, que acaba criando mais intrigas com Lourdes insinuando que ela era amante de Benãt. 

As flores são o centro do filme, e é por causa delas que estas três mulheres acabam se ligando entre si, pelo menos por um tempo, e tem que enfrentar suas questões. Ane o seu casamento, Lourdes sua relação com os outros, Tere sua forma possessiva de amar. 

Jon Garaño (em primeiro plano) nasceu em 1974 em San Sebastián, Espanha e José Marí Goenaga nasceu em 1976 em Ordizia, Espanha.