domingo, 9 de março de 2014

LIVRO: EU, UM OUTRO - IMRE KERTÉSZ



Kertész, Imre. Editora Planeta do Brasil , 2007
Tradução: Sandra Nagy
173 páginas
Título original: Valaki Más. A változás Krónikája

Eu, um outro é uma reflexão sobre quem sou eu que Kertész desenvolve ao longo destas páginas após terem se passado 40 anos desde que sobreviveu a Auschwitz.

Ele narra seu cotidiano, suas viagens ao mesmo tempo que analisa quem é ele agora, após tudo que viveu e ao que sobreviveu. É um constante perder-se para se reencontrar, mas sempre um outro.

Carregamos um passado que se atualiza, mas também vivemos novas experiências, conhecemos lugares e pessoas, e vamos nos transformando no decorrer da vida. Mesmo as experiências mais amargas, duras, tristes nos transformam em um outro quando depois de vivermos o luto, a passagem, a vida nos acena novamente e nos chama para continuar a viver.

A vida é uma história de mortes, e isto é fato, morrer para algo, mas continuar vivo para outras coisas. A felicidade como idílio não existe, mas os momentos felizes sim. E apesar de toda a dor que Kertész carrega em si mesmo ele também consegue ver a vida pulsando e construir um sentido para si mesmo.


Imre Kertész nasceu em 1929 em Budapeste. Foi deportado para Auschwitz e Buchenwald. Ganhou o prêmio nobel de literatura em 2002.