segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

DOCUMENTÁRIO: JOSÉ E PILAR - 2010


Direção: Miguel Gonçalves Mendes - 2010 
Duração: 125 min 
País: Espanha - Portugal - Brasil 

Mendes realizou o filme sobre José Saramago e Pílar Del Rio e o completou com o livro de Conversas Inéditas que também já li e postei aqui no Blog.

O filme me lembra muito Cadernos de Lanzarote escrito por Saramago, são detalhes da intimidade de ambos, seus pensamentos e a rotina de trabalho.



As idéias de Saramago, suas posições frente ao mundo. Um desiludido que sabia que a vida é o que ela é e o ser humano também, demasiado humano. Apesar de melancólico ele tem senso de humor.

Pílar é uma mulher forte, que abre mão de sua carreira de jornalista para assessorar Saramago, mas é uma escolha e o faz com prazer. E ele é dependente dela, a todo instante se ouve Saramago: Pílar! Pílar! Isto lhe dá um lugar que para outros poderia ser sufocante, mas é a beleza do amor que une os dois, um amor maduro entre dois seres que já haviam vivido antes outras experiências em suas vidas.



Havia um Saramago e havia um José, mas Pílar, era única.

Recomendo o documentário seguido do livro. Você encontra o filme completo no Youtube.


Miguel Gonçalves Mendes nasceu em 1978 em Covilhã, Portugal.