quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

FILME: ATRÁS DA PORTA - 2012


Direção: István Szabó - 2012
Duração: 97 min
Título Original: The door

Baseado no livro de Magda Szabó (não tem parentesco com o diretor) 

Magda ( Martina Gedeck ) é uma escritora casada que vive na Hungria, ela e o marido acabam de se mudar para uma casa onde ela pretende se dedicar totalmente à escrita. Para isto procura por Emerenc ( Helen Mirren) e a contrata para cuidar da casa. Porém, a relação entre as duas ultrapassa o profissional. 



Emerenc vive numa casa onde não abre a porta para ninguém, nem mesmo para seus parentes que costuma receber no jardim. Isto desperta a curiosidade de todos. Além disto ela tem uma bela porcelana que usa nestes encontros e também para levar quitutes que faz para Magda e seu marido. Emerenc é temida pelos outros por ter muitas vezes um comportamento agressivo. Ela carrega traumas de guerra que se refletem em muitas de suas atitudes e comportamentos. É uma pessoa estranha, mas como ela mesma o diz, uma estranheza que nunca prejudicou ninguém. 



Aos poucos ela passa a confiar em Magda e a gostar muito dela, e vai lhe contando sua história e um dia devido um temporal dos quais Emerenc foge com muito medo, ela permite que ela entre em sua casa desde que jure que nunca contará a ninguém o porque de manter sua porta sempre fechada. Quando Emerenc adoece Magda se verá numa situação extrema, trair a confiança dela e lhe salvar a vida, ou respeitar o desejo dela de morrer sozinha dentro de sua casa. Emerenc não tem medo da morte, e diz "que é preciso aprender a matar. Deus mata!". 

A questão do limite de até onde podemos interferir na vida ou morte do outro. A questão do mistério que se cria em torno de uma pessoa que decide manter uma privacidade absoluta, que não abre a porta para ninguém entrar em sua casa. Até onde podemos ultrapassar estes limites do outro? mesmo diante de um caso como doença? São questões que o filme nos coloca. 


István Szabó nasceu em 1938 em Budapeste, Hungria